Dia dos Namorados, Twitter e o Grupo dos Cinco.


Estão dizendo por ai que o twitter vai quebrar (pois não quebrou, post saiu um pouco atrasado), pois tem um bug que vai inviabilizar o uso nesta data de 12/06 assim que alcançar a marca de 2.147.483.647 qualquer coisa, mas não é o dia dos namorados que vai causar isso, pode até ajudar mas o grande causador desse crash (além da falha na programação) é a incessante busca de ser ouvido (no caso lido) ou seja a busca de reconhecimento. O Twitter é como se fosse um jogo de âmbito mundial cujo o objetivo é fazer seguidores, e para isso todos tentam ser relevantes porém essa relevância é muito superficial, uma vez que você escolhe o que vai ser no mundo virtual, e não tem campo melhor para isso do que o Twitter, uma vez que mundos virtuais like a “Second Life” são propriamente jogos e você não vai ser levado tão a sério quanto no Twitter chegando ao ponto de ser considerado celebridade neste último.
Mas o que faz ou o não sucesso no Twitter?
Ser uma celebridade dos cinemas ajuda, pegar a Demi Moore então, ser blogueiro ou manter um site famoso, mas também depende do que você parece ou aparenta a primeira vista do que os outros vão esperar de você, um nick legal e um avatar também podem ser um cartão de visitas como na vida real as aparências contam o que me leva ao terceiro item do Título do post.
Eu tive a grande sorte de não ter sono ontem a noite e pude assistir pela, sei lá quantas vezes foi mas toda vez que passa eu assisto, o belo filme “O Grupo dos Cinco” no original em inglês “Breakfast Club” um filme dos anos 80, que representa na visão do cineasta, a juventude daquela época.
Mas o que eu quero dizer com isso tudo até agora?123046__breakfast_club_l
Bem começando sobre o enredo do filme, para aqueles que não o viram, 5 adolescentes diferentes entre si (digamos de castas diferentes – Glória Perez) que estão de castigo em pleno sábado o dia inteiro por terem cometido alguns delitos. Eis que esses jovens podem ser descritos como internautas e a sala seria o twitter e o que se segue no decorrer do filme são twittadas dos mesmos e a esperança de serem notados e compreendidos porque o que todos querem é serem aceitos (seguidos, entendeu?) mesmo que para isso tenham que não se misturar com alguém (unfollow) mas em todo caso assim como na internet na maioria das vezes não somos conhecidos por quem somos e sim pelo que nossos avatares represntam e nesse filme a pessoa que assiste é convidada a conhecer quem são as pessoas por trás dos avatares, já que cada um tem o seu esteriótipo que leva a fazer um juízo, um pré julgamento do que a pessoa realmente é.

Vamos aos tipos.

O marginal

O marginal

John Bender – ele é o delinqüente, é o cara que seguido de um nickname bizarro é capaz de falar o que quer e não esta nem ai para o que os outros falam, por esse motivo não é muito seguido, não porque não queira mas por não estar nem ai – ou não – é também o que mais pode surpreender, justamente por ninguém esperar nada dele é que poder se surpreender bastante, no filme ele se prejudica pele grupo. Os seu seguidores são normalmente seus amigos que por conhece-lo sabem que ele pode ser gente fina. Siga com moderação.

filhinho de papai

filhinho de papai

Andrew Clark – boizinho filho de papai, esta no Twitter apenas porque é a última moda se caracteriza por seguir muito mais do que é seguido, justamente porque é uma pessoa que não tem uma opinião própria, no filme vive a mercê do que o pai e o treinador pensam que ele deve ser. Iguais a ele no twitter tem a dar com pau, não tem voz própria da RT (re-twitte) sem saber o que e a qualquer hora. Morre de vontade de ser reconhecido pelo que realmente é mas morre de medo de transcender essa fronteira. Há os casos que dão certo tipo, estrelas de cinema acéfalas, mas isso é outra história.

Brian Johnson – é o nerd da turma, esse tipo no twitter tem um avatar legal, normalmente não coloca uma foto real, no

O Nerd

O Nerd

twitter em dia tem muitos seguidores pois são os formadores de opinião, o que eles pensam conta bastante no mundo da Web. Na vida real eles são menos sociáveis do que os dois primeiros grupos mas hoje em dia ser Nerd é moda e eles como sempre não estão nem ai. Os nerds em geral tem mais seguidores do que seguidos pelo motivo de filtrarem o conteúdo, então sinta-se lisonjeado quando um te seguir.

a minha preferida

a minha preferida

Allison Reynolds – é o tipo diferente exótico, gosta de chocar o seu nickname é por muitas vezes chamativo, provocante, parece ter uma personalidade liberal, pode ser muito mentirosa, as vezes fake, mas é natural que fale o que os outros acham que ela deve falar, mais pelo personagem que representa, no fundo é uma pessoa como as outras que quer ser seguida, e para isso segue, normalmente tem um número de seguidores bem páreo ao de seguidos, não faz muita distinção a quem segue. Gosta de ser excitante.

Claire Standish – a popular, usa a beleza para conseguir o que quer, tem medo de ser diferente das pessoas do seu próprio grupo, usam mesmas roupas os cabelos se parecem no corte, lêem revistas de fofocas e por isso as suas

A popular

A popular

twittadas são sempre mais voltadas para esse público, as pessoas que as seguem são na maioria pessoas que querem esse dito “glamour” mas não tem opinião para discernir, seguem-na porque elas são o esteriótipo de beleza, mesmo que vazia. No filme só para saber ela queria ser reconhecida mais pelo que ela tinha por dentro não pelo que tinha por fora, mas tinha medo de mostrar isso.

Esses cinco indivíduos nas suas singularidades nos brindam com bons diálogos e problemas que atormentam o nosso cotidiano, o que eu tentei fazer foi montar um paralelo entre a realidade representada nos anos 80 e o tempo atual e demonstrar que o que mudou foi apenas a forma de nos camuflar, de nos esconder com medo de que os outros percebam o quão fracos nós realmente somos.

Anúncios

3 Responses to Dia dos Namorados, Twitter e o Grupo dos Cinco.

  1. Pingback: Colocando o OpenDns para funcionar. Linux e Windows. « O Seo Messias

  2. Pingback: Adobe Air e TweetDeck funcionando no Fedora 11. « O Seo Messias

  3. Pingback: “Um idiota com um avatar bacana pode se destacar mais do que um cara legal com um avatar idiota.” « O Seo Messias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: