Como fazer back-up completo do seu sistema linux.


Tutorial muito bom retirado do site: http://tecnologialivre.com.br/blog

Backup

1- Para fazer isto, mude para root:

sudo su

2- Vamos para a raiz do sistema:

cd /

3- Usar o comando:

tar -cvpzf /backup.tgz –exclude=/backup.tgz –exclude=/mnt –exclude=/media /

Entendo o comando

tar = é o nome de um programa de arquivamento
desenvolvido para armazenar e extrair arquivos de um arquivo tar (que
contém os demais) conhecido como tarfile ou tarball.

c = criar um novo arquivo.

v = modo “verbose”, o tar vai mostrar no console o que está fazendo

p = Preservar permissões, para manter as mesmas permissões nos ficheiros.

z = Comprimir o ficheiro com ‘gzip’.

f <filename> = Especifica onde guardar o backup. O
backup.tgz é nome que estamos dando ao arquivo de backup e com /
estamos salvado ele no diretório raiz. Poderíamos salvar em outro lugar
como: /home/backup.tgz

Com o –exclude= definimos os arquivos e diretórios
que não queremos incluir no nosso backup. Quando fazemos
–exclude=/media estamos excluindo o diretório media.

Atenção para excluir sempre o arquivo do nosso backup, nesse caso o –exclude=/backup.tgz .

Podemos também não querer incluir a
pasta /mnt pois se tivermos partições montadas faremos bakup delas
também. Atenção para não deixar nada montado em /media ( exemplo cd’s
ou discos removiveis) ou então exclui a pasta /media também.

No fim teremos um ficheiro chamado
backup.tgz na raíz do teu sistema de ficheiros, que provavelmente é
grande. Agora podemos gravar para um DVD ou mover para outra máquina.

No fim do processo, pode surgir
umas mensagens ‘tar: Error exit delayed from previous errors’ ou algo
parecido, mas na maior parte dos casos podes ignorá-las.

Podemos usar o Bzip2 para comprimir
o backup. Isso significa maior compressão mas menos velocidade. Se a
compressão é importante é só substitui o ‘z’ no comando com ‘j’, e dá
ao backup a extensão correta (bz2). Isto fará o comando parecer-se com
isto:

tar -cvpjf /backup.tar.bz2 –exclude=/backup.tgz –exclude=/mnt –exclude=/media /

Restaurando o sistema

Isto irá gravar por cima de cada um dos ficheiros o conteudo do arquivo de backup.

1- Vamos mudar para o usuário root:

sudo su

2-Vamos para a raiz do sistema:

cd /

3- Para quando usamos o tar:
<em>tar xvpfz backup.tgz -C /</em></pre>
<p dir="ltr">
</p><p dir="ltr">
</p><p dir="ltr"><span lang="pt-BR">4-Parar o  Bzip2:</span></p>
<p dir="ltr">
</p><p dir="ltr">
</p><p dir="ltr">
</p><pre><em>tar xvpfj backup.tar.bz2 -C /</em>

Agora é só reiniciar o sistema!

Anúncios

5 Responses to Como fazer back-up completo do seu sistema linux.

  1. Droferype says:

    Автор, а вы случайно не из Питера?

    здесь видел ет gamebulletin.ru

  2. Danillo Gomes says:

    Cara, na hora de usar o tar o codigo da pagina parece que zuou o comando… vc poderia me passar o codigo certo? Abraço

  3. tar -cvpzf /backup.tgz –exclude=/backup.tgz –exclude=/mnt/* –exclude=/media/* /

    Acho que o problema eram o os dois hifens antes do exclude, o site tava juntando os dois, lembre que você tem que ter permissão de gravação no diretório neste caso o diretório raiz do usuário em questão.

    Uma dica pegue o comando que passei copie e cole-o em um editor de texto tipo o gedit, assim ele apaga as eventuais sujeiras do html do site.

    enjoy

  4. Felipe Pelegrini says:

    Parece bastante simples… apenas uma dúvida, no meu caso vou fazer o backup semanal de um servidor onde possui um site hospedado… Caso eu instale o linux novamente, quando restaurar esse backup as permissões de pastas, regras (iptables), usuários, senhas vão ser restauradas também?
    Caso eu tenha o MySQL isntalado o backup é salvo?

  5. Só uma dúvida, no passo 3 da restauração do sistema, eu tenho que colar tudo esse código no terminal ?

    tar xvpfz backup.tgz -C /

    4-Parar o Bzip2:

    tar xvpfj backup.tar.bz2 -C /
    
    Se for isso, não está dando certo. O que pode estar ocorrendo ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: